palestras

Os 4 palestrantes mais conhecidos do Brasil

519views

Luiz Felipe de Cerqueira e Silva Pondé

Luiz Felipe de Cerqueira e Silva Pondé nasceu em Recife, 1959, filho de um militar católico e mãe judia. É um filósofo e escritor brasileiro, doutor em filosofia pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (FFLCH-USP) e com pós-doutorado pela Universidade de Tel Aviv, em Israel.

Escreveu, dentre outras obras, o Guia Politicamente Incorreto da Filosofia e Marketing existencial. É colunista da Folha de S. Paulo, escrevendo semanalmente no jornal.

Iniciou a carreira acadêmica cursando medicina na Faculdade de Medicina da Bahia da Universidade Federal da Bahia, mas não concluiu o curso. Mais tarde também cursou filosofia na Universidade de São Paulo, tendo feito doutorado pela mesma instituição, com suporte financeiro e mestrado pela Universidade de Paris.

Realizou pós-doutorado na Universidade de Tel Aviv. Atualmente, é vice-diretor e coordenador de curso na Faculdade de Comunicação e Marketing da Fundação Armando Alvares Penteado (FAAP). É também professor de Ciências da religião na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) e de filosofia na FAAP.

Mario Sergio Cortella

Mario Sergio Cortella nasceu em Londrina, 5 de março de 1954. É um filósofo, escritor, educador, palestrante e professor universitário brasileiro, mais conhecido por divulgar, com outros intelectuais como Clóvis de Barros Filho, Leandro Karnal, Renato Janine Ribeiro e Luiz Felipe Pondé, questões sociais ligadas à filosofia na sociedade contemporânea.

É autor de vários livros, entre os quais está Por que Fazemos o que Fazemos?, no qual ele analisa a vida profissional na contemporaneidade.

Foi Secretário Municipal de Educação de São Paulo (1991/1992) no governo de Luiza Erundina.

Na juventude (1973 a 1975) experimentou a vida monástica em um convento da Ordem dos Carmelitas Descalços, mas abandonou a perspectiva de ser monge para seguir a carreira acadêmica.

Concluiu sua graduação em 1975 na Faculdade de Filosofia Nossa Senhora Medianeira. Em 1989 concluiu seu mestrado em Educação pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), sob a orientação do Prof. Dr. Moacir Gadotti, e em 1997, sob a orientação do Prof. Dr. Paulo Freire, conclui seu doutorado também em Educação pela PUC-SP.

É professor titular do Departamento de Teologia e Ciências da Religião e de pós-graduação em Educação da PUC-SP, na qual esteve de 1977 a 2012, além de professor-convidado da Fundação Dom Cabral, desde 1997, e foi no GVPec da Fundação Getúlio Vargas, entre 1998 e 2010.

Ocupou o cargo de Secretário Municipal de Educação da cidade de São Paulo (1991-1992), durante a administração de Luiza Erundina e foi membro-conselheiro do Conselho Técnico Científico da Educação Básica da CAPES/MEC (2008/2010). Fez o programa “Diálogos Impertinentes” na TV PUC.

Em 2017, Cortella foi um dos dez finalistas do Prêmio Darcy Ribeiro de Educação. O Prêmio foi criado para contemplar pessoas ou entidades cujos trabalhos ou ações mereceram destaque especial na defesa e na promoção da educação brasileira.

Clóvis de Barros Filho

Clóvis de Barros Filho nasceu em Ribeirão Preto/SP, em 21 de outubro de 1966. É jornalista e professor livre-docente na área de Ética da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP) e coordenador do programa de mestrado da Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM).

Além disso, Clóvis de Barros Filho é bacharel em Jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero de São Paulo (1985) e em Direito pela Universidade de São Paulo (1986), especialista em Direito Constitucional (1988) e em Sociologia do Direito (1989) pela Université Panthéon-Assas de Paris, mestre em Ciência Política pela Université Sorbonne Nouvelle de Paris (1990) e doutor em Ciências da Comunicação pela Universidade de São Paulo (2002).

Leandro Karnal

Leandro Karnal nasceu no Município de São Leopoldo/RS, em 1 de fevereiro de 1963. É um historiador brasileiro, professor da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), especializado em História da América.

Foi também curador de diversas exposições, como A Escrita da Memória, em São Paulo, tendo colaborado ainda na elaboração curatorial de museus, como o Museu da Língua Portuguesa em São Paulo.

Graduado em História pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos) e doutor pela Universidade de São Paulo (USP), Karnal tem publicações sobre o ensino de História, História da América e História das Religiões.

Terceiro de quatro filhos, teve formação jesuítica e foi católico praticante durante a infância e parte da juventude antes de se tornar ateu. Aos 24 anos, se mudou para São Paulo, onde fez doutorado na USP e iniciou sua carreira como professor.

Fonte: Wikipedia